Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione Esc para cancelar.
Ao votar no projeto da Transparência Brasil você estará contrubindo para o combate a corrupção e o desperdício na construção de creches e escolas
23 de abril de 2019

A Transparência Brasil é uma das finalistas do Desafio de Impacto Social do Google com o aplicativo Cadê a Minha Escola, uma ferramenta que permitirá o monitoramento participativo da construção de escolas e creches públicas. O projeto pressionará governos locais a entregarem as obras sem atrasos e desvios de recursos públicos.

A maior parte das construções é financiada com verbas federais que são repassadas a governos locais para contratar empresas de construção civil. No entanto, boa parte dos investimentos não é concluída. De acordo com dados de 2015, 20% das obras foram abandonadas ou paralisadas e outras 34% registravam atraso médio de um ano letivo.

Enquanto isso a demanda por escolas e creches é alta: há milhões de crianças sem vagas em creches e 83% dos estudantes dependem de escolas públicas.  Clique aqui para acessar o site do Desafio de Impacto Social Google 2016 e votar em nosso projeto. Com um clique você pode ajudar a pressionar governos a entregarem escolas e creches no prazo.

Ajude também compartilhando o link, para que mais pessoas possam votar.  

Se preferir, copie e cole o link no seu navegador: https://desafiosocial.withgoogle.com/brazil2016/charity/transparencia-brasil

Obrigada pela ajuda,

equipe Transparência Brasil.

A Transparência Brasil é uma das finalistas do Desafio de Impacto Social do Google com o aplicativo Cadê a Minha Escola, uma ferramenta que permitirá o monitoramento participativo da construção de escolas e creches públicas. O projeto pressionará governos

Artigos Relacionados

Quem viver verá

Quem viver verá

É sempre muito difícil perceber uma revolução, enquanto ela acontece. Apenas ao passar dos anos,...

ler mais
Aislan Munin
Pai da Liz. Membro cooperado do Portal da Educadora, Estudou Ciências Sociais na PUCSP e FESPSP, autodidata em Sistemas Web, uniu as duas áreas trabalhando como sócio-educador lecionando Introdução a Informática.