Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione Esc para cancelar.
O Pedagogo na Educação Profissional de Jovens
23 de abril de 2019

A contribuição do pedagogo na educação de jovens, ainda que incomum nas salas de ensino fundamental II e médio vem se difundindo no terceiro setor, a fim de oferecer aos alunos subsídios que o preparem para a vida profissional. Mas, qual o papel que o profissional graduado em pedagogia assume neste cenário? A presença do pedagogo dispensa a atuação dos professores especialistas na educação regular? O pedagogo está capacitado para desenvolver práticas educativas com jovens?

Iniciemos a análise observando que esta idéia foi concebida a partir da evidente necessidade de retomar conteúdos básicos do ensino fundamental com jovens do ensino médio, com o objetivo de conectar o currículo escolar com as expectativas do aluno no mercado de trabalho. O pedagogo retoma e pratica conteúdos de base escolar como interpretação de texto, ortografia, gramática e conhecimento básico matemático.

Retomar alguns conteúdos essenciais traz uma perspectiva diferenciada ao aluno do ensino médio, que passa a ver sentido nos conteúdos mais complexos lecionados na educação regular.

Hoje em dia, as disciplinas que compõem o currículo de Licenciatura em Pedagogia contemplam fundamentos e habilidades didático-metodológicas que permitem ao pedagogo entender a forma de cada aluno aprender. É evidente que o profissional neste ciclo atua com diversos desafios de ordem social, que exigem criatividade na resolução de conflitos.

Não obstante observamos a figura do pedagogo por diversas vezes, referenciada apenas ao trabalho na educação infantil e nos anos iniciais do ensino fundamental. No entanto, as Diretrizes Curriculares Nacionais para o curso de pedagogia tornam evidente a identidade ampla do pedagogo pautada no exercício da docência, na formação teórica e na diversidade de conhecimentos e de práticas.

Segundo Art. 4º do Conselho Nacional de Educação (2006): “O curso de Licenciatura em Pedagogia destina-se à formação de professores para exercer funções de magistério na Educação Infantil e nos anos iniciais do Ensino Fundamental, nos cursos de Ensino Médio, na modalidade Normal, de Educação Profissional na área de serviços e apoio escolar e em outras áreas nas quais sejam previstos conhecimentos pedagógicos.”

É imprescindível insistir no fato de que este profissional precisa estar constantemente atualizado, complementando sua graduação inicial com cursos de formação continuada e especializações, a fim de aperfeiçoar sua prática pedagógica com base na reflexão e nos ambientes escolares e não escolares.

A atuação do pedagogo não descarta a formação e a atuação dos professores especialistas na educação regular, afinal, entendemos o professor especialista como um profissional preparado para transmitir seu conhecimento.  Contudo, independente da formação inicial, todos profissionais envolvidos no processo de aprendizagem partilham do mesmo objetivo: despertar no aluno seu potencial de desenvolvimento.

Usemos assim, todas as nossas ferramentas e possibilidades de forma assertiva!

 

Sobre Maynara Chaves

Graduada em Pedagogia pela Universidade Cruzeiro do Sul, Maynara possui experiência em alfabetização e nas dificuldades de aprendizagem. Envolvida em ações de voluntariado com pessoas com deficiência auditiva, ministra Comunicação e Expressão, Matemática e Temas Transversais. Sua principal característica é a criatividade, pois sempre dá uma roupagem nova a todas as atividades, tornando-as sempre muito atraentes aos alunos.

 

Sobre o IOS

Comprometido com a empregabilidade de jovens e pessoas que possuem deficiência física, visual parcial e/ou auditiva que tenham menor acesso às oportunidades do mercado de trabalho, o IOS, que acaba de completar 18 anos, desenvolve projetos de capacitação gratuita em temas variados. "Tecnologia", "Comunicação" e "Administração", por exemplo, compõem a grade de cursos. Qualificado como OSCIP – Organização da Sociedade Civil de Interesse Público -, o IOS já capacitou mais de 27 mil profissionais para os setores de Tecnologia da Informação, Administração, RH e Atendimento ao Varejo. A instituição é mantida por empresas privadas como a TOTVS – sua fundadora e principal mantenedora – além da IBM, Accesstage, Atlas Schindler, Brasilprev, Certisign, Rede Globo, Vedacit, Zendesk, dentre outras.

Mais informações: www.ios.org.br

 

 

 

 

A contribuição do pedagogo na educação de jovens, ainda que incomum nas salas de ensino fundamental II e médio vem se difundindo no terceiro setor, a fim de oferecer aos alunos subsídios que o preparem para a vida profissional. Mas, qual o papel que o pro

Artigos Relacionados

Quem viver verá

Quem viver verá

É sempre muito difícil perceber uma revolução, enquanto ela acontece. Apenas ao passar dos anos,...

ler mais
Aislan Munin
Pai da Liz. Membro cooperado do Portal da Educadora, Estudou Ciências Sociais na PUCSP e FESPSP, autodidata em Sistemas Web, uniu as duas áreas trabalhando como sócio-educador lecionando Introdução a Informática.