Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione Esc para cancelar.
Primeiro Hackaton sobre Educação
24 de abril de 2019

No sábado do dia 15 de março aconteceu o primeiro Hackaton sobre educação na cidade de São Paulo. O evento representou a versão brasileira de um encontro mundial que foi realizado simultaneamente em 12 países e 4 continentes, e que tinha como objetivo reu

No sábado do dia 15 de março aconteceu o primeiro Hackaton sobre educação na cidade de São Paulo. O evento representou a versão brasileira de um encontro mundial que foi realizado simultaneamente em 12 países e 4 continentes, e que tinha como objetivo reunir pessoas para debater e construir coletivamente propostas de mobilização e ação sobre o tema.

O evento foi baseado em três pilares: A inspiração, a diversão e a cocriação. E teve a presença especial de Ely Paschoalick, André Gravatá, Caio Dib, Antonio Lovato, Daniel Ianae dentre outros.

A proposta era a vivência de um dia lúdico e envolvente onde as pessoas pudessem se enxergar em seus processos educacionais, e no qual tivessem espaço para refletir sobre os modelos de educação, hoje, predominantes. Os participantes formaram um grupo bastante interdisciplinar, abrangendo empreendedores, arquitetos, educadores, artistas, (…), o que possibilitou olhar para o tema através de um caleidoscópio interessante e inusitado.

Além disso, o encontro fortaleceu a rede de interessados em colaborar na luta por uma educação mais democrática, e aproximou diferentes núcleos interessados em entender o “Manifesto da Educação”.

Dentre as atividades propostas foram idealizadas escolas e metodologias para ensinar com liberdade e autonomia. E no fim da tarde, foi realizada uma trilha pelo centro para convidar os transeuntes a refletirem sobre possíveis ambientes de aprendizado a partir da apropriação do espaço público. Enfim, foi um dia para pensar e ampliar os horizontes…

Agradeço: Philippe Greier, Clarissa Müller, Gabriel Caires, HUB, Presente e Edu on Tour.

No sábado do dia 15 de março aconteceu o primeiro Hackaton sobre educação na cidade de São Paulo. O evento representou a versão brasileira de um encontro mundial que foi realizado simultaneamente em 12 países e 4 continentes, e que tinha como objetivo reunir pessoas para debater e construir coletivamente propostas de mobilização e ação sobre o tema.

O evento foi baseado em três pilares: A inspiração, a diversão e a cocriação. E teve a presença especial de Ely Paschoalick, André Gravatá, Caio Dib, Antonio Lovato, Daniel Ianae dentre outros.

A proposta era a vivência de um dia lúdico e envolvente onde as pessoas pudessem se enxergar em seus processos educacionais, e no qual tivessem espaço para refletir sobre os modelos de educação, hoje, predominantes. Os participantes formaram um grupo bastante interdisciplinar, abrangendo empreendedores, arquitetos, educadores, artistas, (…), o que possibilitou olhar para o tema através de um caleidoscópio interessante e inusitado.

Além disso, o encontro fortaleceu a rede de interessados em colaborar na luta por uma educação mais democrática, e aproximou diferentes núcleos interessados em entender o “Manifesto da Educação”.

Dentre as atividades propostas foram idealizadas escolas e metodologias para ensinar com liberdade e autonomia. E no fim da tarde, foi realizada uma trilha pelo centro para convidar os transeuntes a refletirem sobre possíveis ambientes de aprendizado a partir da apropriação do espaço público. Enfim, foi um dia para pensar e ampliar os horizontes…

Agradeço: Philippe Greier, Clarissa Müller, Gabriel Caires, HUB, Presente e Edu on Tour.

Artigos Relacionados

Quem viver verá

Quem viver verá

É sempre muito difícil perceber uma revolução, enquanto ela acontece. Apenas ao passar dos anos,...

ler mais
Aislan Munin
Pai da Liz. Membro cooperado do Portal da Educadora, Estudou Ciências Sociais na PUCSP e FESPSP, autodidata em Sistemas Web, uniu as duas áreas trabalhando como sócio-educador lecionando Introdução a Informática.